Informação sobre hepatite, causas, sintomas e tratamento da hepatite A, hepatite B, hepatite C, hepatite D e hepatite E, hepatite aguda e crônica.


Hepatite A, o que é, e quais as causas

A hepatite A é uma Doença infecciosa viral, contagiosa, causada pelo vírus A (HAV) e também conhecida como “hepatite infecciosa”, “hepatite epidêmica”, ou “hepatite de período de incubação curto”. O agente etiológico é um pequeno vírus RNA, membro da família Picornaviridae.
O período de incubação, intervalo entre a exposição efetiva do indivíduo suscetível ao vírus e o início dos sinais e sintomas clínicos da infecção, varia de 15 a 50 dias (média de 30 dias).
A hepatite pelo HAV apresenta distribuição mundial. A principal via de contágio é a fecal-oral, por contato inter-humano ou por água e alimentos contaminados. A disseminação está relacionada às condições de saneamento básico, nível socioeconômico da população, grau de educação sanitária e condições de higiene da população. Em regiões menos desenvolvidas, as pessoas são expostas ao HAV em idades precoces, apresentando formas subclínicas ou anictéricas em crianças em idade pré-escolar. A transmissão poderá ocorrer 15 dias antes dos sintomas até sete dias após o início da icterícia.
A transmissão sexual da hepatite A pode ocorrer com a prática sexual oral-anal (anilingus), por meio do contato da mucosa da boca de uma pessoa com o ânus de outra portadora da infecção aguda da hepatite A. A prática dígito-anal-oral pode ser uma via de transmissão. Deve ser lembrado que um dos parceiros precisa estar infectado naquele momento e que a infecção pelo HAV não se cronifica, o que faz com que este modo de transmissão não tenha grande importância na circulação do vírus na comunidade, embora, em termos individuais, traga as conseqüências que justificam informar essas possibilidades aos usuários.


Como o vírus da hepatite A se transmite?

O vírus da hepatite A é transmitido de pessoa para pessoa ao colocar algo na boca que foi contaminada com as fezes de uma pessoa infectada com o vírus da hepatite A. Este tipo de propagação é chamado de "fecal-oral." Isso pode acontecer através de uma variedade de maneiras, tais como quando uma pessoa infectada que prepara ou manipula alimentos não lava as suas mãos adequadamente após ir ao banheiro e, em seguida, toca na comida de outras pessoas. Uma pessoa também pode ser infectada através de água contaminada com vírus da hepatite A ou ao beber bebidas refrigeradas contaminadas com o vírus. Alimentos contaminados, água e gelo podem ser uma fonte significativa de infecção para as pessoas que viajam para muitas áreas do mundo. Por esta razão, o vírus é mais facilmente transmitido em áreas onde existem condições sanitárias precárias ou em que uma boa higiene pessoal não é observada.

A maioria das infecções virais de hepatite em pessoas dos Estados Unidos resultam de viagens internacionais realizadas a locais com taxas intermédias ou elevadas de hepatite A. A infecção do vírus pode dar-se através do contato com um membro da família ou parceiro sexual que tem hepatite A, ou através da partilha de drogas ilegais. Contato casual, como no ambiente de escritório, fábrica, ou na escola, não espalha o vírus da hepatite A.


ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL